Foco

Todas as tarefas em uma empresa podem ser delegadas, menos a visão de futuro. Esta é uma tarefa exclusiva de seus criadores que deve ser mostrada aos colaboradores e constantemente reforçada. Quando isto é feito, os colaboradores certamente se comprometerão com o futuro da empresa.

Existem empresas que são inovadoras e são seguidas pelas demais e outras que seguem o mercado. Muitas empresas, embora não inovadoras, acabam tendo mais sucesso que as inovadoras, pois embora copiem os produtos os oferecem com maior competência e criam na mente do prospect a percepção de empresa.

Há uma frase em marketing que pode ser questionada, mas que possui a verdade: “O que impulsiona o sucesso não são fábricas, instalações, produtos e pessoas. O que impulsiona o sucesso é ocupar um lugar na mente do prospect”.

Quem tem enormes verbas para propaganda pode seguir esta frase ao pé-da-letra, quem não dispõe, e a maioria das empresas não dispõe, terá que estar ao lado do cliente para torná-la verdadeira, momento em que as pessoas exercem tarefa fundamental.

Acompanhando o mercado e os movimentos dos concorrentes poderemos sempre descobrir “o que” fazer para encantá-lo. Muitas empresas sabem o que fazer, porém os resultados não aparecem. Por que isto acontece?

Administração tem a ver com “como”. Muitas empresas estão obcecadas pelo o “que” e esquecem o “como“ fazer. Quando as pessoas não sabem “como“ fazer, não conseguem produzir o “que”.

É importante considerar aqui dois pontos fundamentais:

1) As pessoas sabiam o “que” fazer, porém não sabiam “como” fazer.

2) As pessoas não falharam, desistiram de tentar.

Um dos pontos fundamentais para o sucesso de qualquer negócio é foco. Quando se encontra o foco, fica mais fácil decidir o “que fazer” e “como fazer” e a melhor maneira de encontrar o foco é encontrando o inimigo. Uma vez isolado o inimigo,  o problema é identificado, com isso pode-se não só efetuar as correções necessárias como separar as oportunidades dos problemas, pois as empresas eficientes enfocam as oportunidades e não os problemas.

Para que uma empresa encontre o caminho do sucesso seus criadores precisam observar três pontos básicos:

1) Ver o que está funcionando

2) Focar

3) Colocar a empresa nesse objetivo

É comum os empresários irem ao mercado sempre em busca de mais ideias, implementando-as muitas vezes sem retorno. Muitas empresas não precisam de mais ideias e sim de bom senso. Boas ideias estão por toda parte, bom senso sim é mercadoria escassa.

Com o envolvimento das pessoas na visão de futuro da empresa além do comprometimento com os resultados, os colaboradores estarão sempre dispostos a fazer grandes sacrifícios para atingir grandes metas, mas eles tem que saber quais são essas metas. Não basta pressioná-los a se empenhar mais.

Alguém tem que assumir a responsabilidade e isto só pode ser conseguido quando há comprometimento com o futuro.

Recommended Posts